“Síndrome do gestor sobrecarregado” – Melhorando sua Capacidade de Delegar

Matheus Alberto Cônsoli e Julia Cavalheri Tittoto dão continuidade a série de 4, que abordará o tema "Síndrome do Gestor Sobrecarregado".Nesse terceiro artigo, tem como foco o tema sobre “Melhorando sua Capacidade de Delegar”. Não deixe de acompanhar e se atualizar!

No artigo anterior da série a “Síndrome do gestor sobrecarregado”, provocamos algumas reflexões e propusemos um exercício para auxilia-los a compreender como administrar o vosso tempo de forma mais equilibrada.

Conforme já mencionamos, aprender a delegar tarefas é uma competência primordial para um gestor. No livro o Monge e o Executivo, o autor afirma que para ser saudável e próspero, um negócio deve apresentar relacionamentos saudáveis, seja com os clientes, com os fornecedores, ou com os colaboradores. E ressalta ainda que é papel do líder, além de realizar tarefas, construir esses relacionamentos saudáveis.

Se você, que atua na distribuição de insumos, passa o dia todo atarefado, isso significa que coisas importantes para o crescimento do seu negócio, podem estar passando despercebidas. Enquanto que, se algumas de suas responsabilidades e tarefas fossem sendo transferidas para outra pessoa, você teria mais tempo para se dedicar e dar atenção a estas questões: avaliar se os seus clientes, fornecedores e colaboradores estão satisfeitos e, se necessário, traçar estratégias junto com eles para melhorias.

Não há necessidade de delegar todas as suas tarefas de uma vez só, vá transferindo aos poucos ao colaborador que você julgar capacitado para assumir essas responsabilidades e que seja de sua confiança.

Após a escolha do colaborador, sugerimos que pegue a lista de tarefas de sua responsabilidade no negócio hoje, que você realizou no exercício proposto no artigo anterior, e selecione quais delas você poderia delegar a este colaborador a partir de agora.

Delegar não é simplesmente dizer “Fulano, faça isso!”. Definidas as tarefas a serem transferidas, chame o colaborador e explique para ele as tarefas, uma a uma, o que precisa ser feito, os resultados esperados, qual a importância delas para empresa e as consequências que uma decisão errada pode causar, como você costuma realizar essas atividades, que estratégias você adota nas suas negociações, e quando ele deve dar um retorno sobre o que foi feito.

Outro quesito importante é acompanhar o colaborador no desenvolvimento das tarefas, isso não significa ficar o tempo todo no pé dele, cada um tem as suas habilidades e forma de resolver as coisas. É recomendável que vocês marquem reuniões periódicas para avaliar o andamento e os resultados das tarefas e, se preciso, solucionar alguma dificuldade que ele está tendo. Bem como, é relevante que você, como líder, se mostre aberto a conversar com ele, sempre que ele estiver com dúvidas.

Conforme você perceber que o colaborador/sucessor está comprometido e dando conta do recado, e se sentir mais seguro e confiante no trabalho dele, pense em novas tarefas que você pode transferir, ou para ele, se ele não estiver sobrecarregado de responsabilidades, claro, ou para outra pessoa que você enxerga que tem potencial. Pense nisso e continue se desenvolvendo!

Matheus Albeto Cônsoli – Especialista em Estratégias de Negócios, Gestão de Cadeias de Suprimentos, Distribuição e Marketing, Vendas e Avaliação de Investimentos. Doutor pela EESC/USP. Mestre em Administração pela FEA/USP. Administrador de Empresas pela FEA-RP/USP. Professor de MBA’s na FUNDACE, FIA, FAAP, PECEGE/ESALQ, entre outros.
Email: consoli@markestrat.com.br
Julia Cavalheri Tittoto - Atuação em projetos nas áreas de governança e sucessão familiar, pesquisa e inteligência de mercado, capacitação de produtores rurais e gestão do relacionamento entre indústria-distribuidores-produtores. Coach e Analista Comportamental certificada pelo IBC – Instituto Brasileiro de Coaching. Mestre em Administração de Organizações pela FEA-RP/USP. Engenheira Agrônoma pela FCAV/UNESP – Jaboticabal. Atualmente, é professora do MBA de Agronegócios da FGV.

Outras Publicações