2014 passou! O que esperar para 2015?

Após um longo ciclo de bonança, 2014 evidenciou uma queda acentuada na confiança do agricultor brasileiro. Como foi o mercado de insumos agrícolas em 2014? O que esperar para 2015? Qual o impacto da queda de confiança do agricultor para os agrodistribuidores brasileiro? O que fazer? Investimentos expressivos na produção de alimentos e clima favorável culminaram em uma recuperação dos estoques globais, e por consequência, queda de preço das principais commodities agrícolas produzidas no Brasil. Apesar do ambiente menos favorável do que nos anos anteriores, 2014 proporcionou rentabilidade para grande parte dos agricultores. A queda na confiança do agricultor não refletiu na comercialização dos principais insumos agrícolas, fertilizantes e agroquímicos, que apresentaram crescimento de vendas em 2014. Já a indústria de máquinas agrícolas, investimento de longo prazo, amargou resultados negativos.

Conteúdo restrito - faça seu acesso gratuito abaixo

AGRODISTRIBUIDOR


Ou entre informando seu melhor email

Matheus Kfouri Marino – Especialista em gestão de revendas e cooperativas agroindustriais. Doutor em Administração pela FEARP-USP em 2005. Mestre em Engenharia de Produção pela UFSCar em 2011. Engenheiro Agrônomo na FCAV-UNESP. Atualmente é professor da FGV-EESP e coordenador acadêmico dos MBAs em agronegócios da FGV. Sócio da Markestrat.
Email: mmarino@markestrat.org

Outras Publicações